Muitas pessoas dizem que viajar para Escandinávia é uma coisa reservada para quem tem dinheiro. No entanto, com um bom planejamento conhecer Copenhague, na Dinamarca, se torna possível para os mais diversos tipos de bolsos.

Para ajudar você com essa organização, separei não só os pontos turísticos que você não pode deixar de conhecer, mas também dicas sobre a moeda e os custos por lá. Bora comigo, que viajar é uma delícia!

Onde fica Copenhague

Copenhague é a Capital da Dinamarca, ficando acima da Alemanha no Mapa Mundi.

Como ir até Copenhague

Não existem voos diretos do Brasil para Copenhague, dessa forma, você precisa pegar um avião com destino à alguma capital europeia e depois ir para lá. O mais comum é ir para Amsterdã e de lá seguir para Copenhague.

Quanto custa ir até Copenhague

A passagem até Copenhague fica entre U$700 e U$1.100, dependendo da época do ano que você pretender ir.

Na Dinamarca a moeda é a coroa dinamarquesa. Com 1 euro você compra 7 coroas dinamarquesas. Mas vale ficar esperto, pois apesar da moeda dinamarquesa ser mais barata que um euro, diversas coisas por lá são mais caras.

Principais atrações em Copenhague

Tudo que você precisa conhecer em Copenhague, na Dinamarca.

Rio Nyhavn : Rio mais importante da cidade, que é famoso pela existência de casinhas coloridas de dois andares.

Ver no mapa

Palácio de Christiansborg: É a sede do Parlamento, do Gabinete do Primeiro Ministro e do Supremo Tribunal da Dinamarca, sendo o único edifício no mundo que abriga os três poderes.

Ver no mapa

Palácio de Amalienborg: Castelo da Rainha Margarida II.

Ver no mapa

Castelo Rosenborg: Já foi residência de verão dos reis da Dinamarca. Hoje fica bem no meio da cidade, próximo a Norreport – uma das regiões mais movimentadas.

Ver no mapa

Jardim Real: Belíssimo jardim do Castelo Rosenborg.

Ver no mapa

Christiania: Terreno que foi deixado para os hippies e hoje é território livre, não pertencendo nem mesmo à União Europeia.

Ver no mapa

Langelinien: Grande praça onde tem parque, barcos, igreja e a famosa escultura da pequena sereia.

Ver no mapa

Parque Tivoli: Considerado um dos parques mais antigos do mundo, ele parece comum, mas na verdade é um parque de diversões.

Ver no mapa

Teatro da Ópera de Copenhague: O lugar certo para curtir um fim de tarde.

Ver no mapa

Radisson Blu Royal Hotel: Primeiro hotel design do mundo. Dica: você pode fazer um tour por ele mesmo sem estar hospedado.

Ver no mapa

Onde comer em Copenhague

Restaurante Fyrtojet Nyhavn

*Ideal para conhecer todas as comidas típicas.

Opções de hospedagem

Radisson Blu Royal Hotel

Radisson Blu Royal Hotel

Desenhado por Arne Jacobson nos anos 50, é uma ótima opção para hospedagem, oferecendo um design incrível.

Endereço

Diárias a partir de
R$ 800

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Outros destinos